Notícias

Apresentação do Via Rápida Empresa em Araçatuba

Ao todo, 15 municípios estiveram no evento; atualmente, 348 cidades já estão conveniadas no VRE

O presidente da Junta Comercial do Estado de São Paulo, Walter Ihoshi, realizou na quinta-feira (09) uma palestra sobre o Via Rápida Empresa. A ação, com apoio da diretoria do Sebrae-SP, apresentou o sistema e expôs as vantagens de integrá-lo para os representantes das prefeituras de Bento de Abreu, Lourdes, Rubiácea, Avanhandava, Guaraçai, Araçatuba, Coroados, Andradina, Clementina, Suzanápolis, Bilac, Santo Antônio do Aracanguá, Lavínia, Glicério e Álvaro de Carvalho. Na ocasião, foram repassadas as informações técnicas de como se conveniar, os trâmites necessários e o tempo para celebração entre a cidade e Jucesp.

“A nossa tarefa é oferecer para o empresário um ambiente de negócios atraente e desburocratizado, sendo os municípios nossos parceiros nessa missão. Por isso é importante a nossa presença para que possamos apresentar o Via Rápida Empresa, suas funcionalidades e, principalmente, seus benefícios à população”, disse Ihoshi.

O presidente da Jucesp agradeceu o apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de São Paulo no evento de Araçatuba. “Quero agradecer todo o suporte do Sebrae-SP para que pudéssemos estar aqui e apresentar o VRE para todos vocês. Meu muito obrigado para o Tirso de Salles Meirelles, presidente do Conselho Deliberativo, Wilson Poit, Diretor Superintendente, Guilherme Campos, Diretor de Administração e Finanças, e Ivan Hussin, Diretor Técnico”.

Também estiveram no encontro o secretário de Desenvolvimento Econômico e Relações do Trabalho de Araçatuba, Marcelo Mazzei, o gestor do VRE no município, Cleves Araújo dos Santos, o administrador do Escritório Regional araçatubense da Jucesp, Osvaldo Novo, J.Teixeira Junior, coordenador de Políticas Públicas do Sebrae-SP, e Silvia Alzira Abeid Furio, gerente do Sebrae em Araçatuba.

O Via Rápida Empresa permite ao empreendedor paulista efetuar todos os procedimentos de registro e legalização de empresas de baixo risco em até cinco dias úteis, além de possibilitar a consulta prévia da viabilidade do negócio em relação a sua localização. Os 348 municípios já conveniados conseguem, por exemplo, a integração com os órgãos licenciadores, dados de todas as empresas constituídas na cidade, aumento da eficiência da fiscalização e arrecadação, entre outros.

___________________________________________

Assessoria de Comunicação e Eventos da Jucesp