Notícias

36º Encontro Nacional de Juntas Comerciais, aconteceu no Ceará

O presidente Jânio Benith, em companhia do procurador, Dr. Celso Jesus Mogioni, da secretaria-geral, Dra. Flávia Regina Britto Gonçalves, e do secretário executivo de tecnologia da informação, Davi Silvestre Moreira dos Reis, participaram da 36ª edição do ENAJ – Encontro Nacional das Juntas Comerciais, evento realizado entre os dias 22 e 26 de agosto, em Fortaleza, realizado pela Junta Comercial do Estado do Ceará - Jucec, e promovido pela Federação Nacional das Juntas Comerciais – Fenaju, que teve como tema a “Simplificação e Modernização dos Processos de Legalização de Empresa”, e contou com importantes nomes da área de registro mercantil, como o ministro substituto da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, MDIC, Marcos Jorge de Lima e o Coordenador-Geral de Gestão de Cadastros da Receita Federal, Daniel Belmiro.

O presidente Jânio Benith, que recentemente lembrou que “a Junta Comercial de São Paulo é membro integrante do Fórum de Combate a Corrupção no Estado de São Paulo, o FOCCOSP”, naquela oportunidade apresentou todos os avanços ocorridos nos últimos dois anos na Jucesp, com a modernização do Banco de Dados, a Digitalização de Documentos, a emissão online da Certidão de Inteiro Teor e o lançamento do sistema VRE – Via Rápida Empresa, que tem facilitado o trabalho de municípios e empresários contábeis, na abertura de empresas – favorecendo o empreendedorismo paulista.

A mídia nordestina deu ampla divulgação ao ENAJ, e o ministro Marcos Jorge de Lima citou São Paulo como exemplo, “com a redução do tempo para abertura de empresas. Simplificando a vida do empresário e de quem empreende no nosso país”, disse. “O nosso objetivo é melhorar o ambiente de negócio e estimularmos a economia brasileira”. Para o ministro, um dos maiores gargalos para o setor, hoje, é o custo da burocracia.

De acordo com a presidente da Junta Comercial do Estado do Ceará - Jucec, Carolina Monteiro, anfitriã do evento, foram discutidas soluções para a melhoria da ambiência de negócios, aliada a tecnologia. “Com as diversas transformações e modernizações que o registro empresarial vem sofrendo no país, é importante discutir os novos modelos, e como a tecnologia tem contribuído neste processo”.

O ENAJ ocorre três vezes ao ano e foi realizado, na edição anterior, em Gramado-RS, quando foi discutido o papel das Juntas no incentivo ao desenvolvimento e a integração eletrônica dos processos, através da RedeSimples. O propósito destes encontros é debater questões pertinentes ao registro empresarial, buscando promover a troca de informações e intercâmbio de experiências com o intuito de motivar, desenvolver e aperfeiçoar a execução de seus serviços. Alagoas será o 37º estado-sede do próximo ENAJ.

Fonte: Diário Nordeste, Site da JUCEC e outras mídias regionais.